20 de novembro de 2015

#Resenha Quando Só Restar O Mundo


Olá  leitores! *_*

    O livro de hoje é mais uma prova de "não julgue o livro pela capa." porque quando eu o vi, achei que era um romance meloso, mas não é.

    O livro conta  a estória de Pedro Paulo que beirando aos 40 e sendo o último Vergueiro Vargas (porque todos  não puderam se reproduzir) , acaba perdendo seu emprego em uma corretora do mercado de capitais e perdendo também seu primo(a quem ele chama de tio), o penúltimo Vergueiro Vargas. Então, ele resolve pegar estrada para ir atrás do amor da vida dele, mas em um dos postos de gasolina ele encontra um menino a quem paga um guaraná.

   Quando a mãe do menino chega, pede a Pedro que dê carona a ela e seu filho. Meio contrariado ele da a carona mas mal sabe ele que ela estava fugindo de seu marido por fortes motivos!  A viagem e a fuga tornam o livro muito emocionante com toda sua ação e aventura.

    Eu li esse livro lá em São Pedro da Aldeia e foi muito legal ler que Pedro Paulo estava passando por lugares que conheço e pelo que passei naquele dia o que me passava mais verdade ainda.




Durante todo o livro você torce por eles, é muito empolgante. E por mais que pareça previsível, não tem nada disso e o final é muito surpreendente!


Bom, espero que vocês tenham se interessado pelo livro porque vale muito à pena ler, e caso já tenham lido comentem o que acharam ;)

Beijinhos e até o próximo post
:*
Autor: Mauro Pinheiro
Páginas: 122
Editora: Rocco


"Respondeu Jesus: 'Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim.' " João 14:6







2 comentários:

  1. Muito boa a resenha, parece ser muito bom.
    Sucesso...Um grande beijo!!


    www.falaguriablog.com.br   |    FanPage   |   @Falaguriablog 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada ^^ o livro é muito envolvente, se você tiver a oportunidade de ler -> LEIA :)

      Beijos e obrigada pela visita e pelo comentário.

      Volte sempre!

      Excluir