27 de abril de 2017

Por que em Rebelde não existiam personagens secundárias?








Aproveitando a volta com sucesso de RBD no Spotify
resolvi fazer este post especial da novela Rebelde pra dizer que diferente de outras novelas
que têm personagens com estórias fracas só para "encher linguiça", Rebelde tinha personagens que poderiam ter sua própria novela.





Josy Luján

Veio de um orfanato e para no Elite Way School por uma suposta bolsa de estudos por conta de esportes que logo ela fica sabendo que não vai praticar.
Aí começa o mistério pra saber quem afinal é o tutor dela.
Fora isso, ela é maltratada DE VERDADE pelos inspetores do colégio e pra completar assim
que começa a namorar o Theo, demonstra ter ciúmes obsessivos.
Cada ponto de sua vida é relatado com muita profundidade.



Por ser uma cantora de sucesso e por ser uma mulher muito sexy, era vista como vulgar e não era levada a sério por muitos,
seu ex marido até tenta tirar a guarda da filha.
Se envolve muito com a escola da filha e com os problemas dos amigos dela o que as vezes a torna
essencial para grandes desfechos.




Vick Paz

 Era bolsista mas tentava ter o estilo de vida de sua amiga rica Mia.
Antes ela tinha problemas de auto estima e compensava isso se relacionando com vários garotos.
Depois que passou a se valorizar mais, começou um grande problema:
Ela era espancada pelo pai.
Importante dizer que teve uma cena que ela finalmente ia a delegacia denunciar o pai por agressão
e chagavam a falar pra ela que ela só tinha apanhado por alguma rebeldia que tinha feito e que deveria se comportar melhor.
O pai dela bebia e a espancava de verdade e era complicado pra ela resolver esse problema.
E a mãe dela? Uma senhora que curtia muito os amigos da filha.
Sem comentários!



Pilar

Achava que todos a odiavam porque é filha do diretor e isso a deixava paranoica.
Começou a escrever cartas anônimas com fofocas que eram bem prejudiciais aos colegas.
Em uma festa quase deu um tiro em alguém por tanto ódio!





Theo

Visto como nerd, esse menino sofria muito porque a mãe dele o ignorava e o culpava
pela morte do irmão mais velho.
Em um dado momento ele resolve mudar de visual e pede ajuda a Roberta, mas aí ele se apaixona por ela; essa paixão não é correspondida e ele passa a namorar a Josy.
Bom, já sabem como foi o namoro desses dois, né?





Celina

Ela comia muito quando estava nervosa, depois sofria por colegas a chamarem de gorda, mas ela sofria mais ainda por sua mãe só se importar com o peso dela e a comparava com todos que tinham menor peso, o que a fazia comer mais e mais por nervoso.
Mais pra frente ela chega a engravidar e esse assunto de gravidez na adolescência é bem abordado.



A novela tem váááárias personagens que retratam situações bem importantes para os jovens, eu considero essa novela completa. E ainda tinha gente com preconceito que dizia que era uma novelinha sobre uns adolescentes que queriam ficar famosos ¬¬

Você assistia? Gostava?

Bom, eu sim!

Obrigada galera por viram ao blog.

Voltem sempre!

:*





23 de abril de 2017

Hora Da Pipoca: Mundo Cão #Netflix



Oi galera, e aí?
Ta aí um filme WOOOOOOOUUUUU

Não sou de falar isso, então é porque é bom demais.
No início tem uma leveza que você pensa "Ah, é mais um O HOMEM QUE COPIAVA "
não pelo assunto mas pela leveza mesmo. Mas do nada você fica
"Caraaaaaaaaca meu! Que isso?"

O filme se passa em 2007 e tem algumas referências desse ano,
 como por exemplo o último capítulo da novela Paraíso Tropical passando na tv
e gente com mania de falar do Capitão Nascimento hahaha



É que a ideia do filme é mostrar que antes de ser sancionada a lei que proíbe o sacrifício de animais abandonados a carrocinha sacrificava cães após 3 dias de recolhimento.


O problema é quando isso acontece com um cachorro de um bandido!
O cachorro tinha invadido uma escola e por isso Santana o recolheu, mas no dia em que o cão foi sacrificado o dono fez um escândalo e Santana irritado foi bater boca com ele. Apesar de Santana não ter matado o cão, Nenê(o dono do cão) o culpa por isso e prepara uma vingança. Sumir com o filho caçula dele por 3 dias.

Aí começa o desespero de Dilza(Adriana Esteves) que é mãe do menino e vai à procura junto a sua filha mais velha e seu marido.

A partir daí o filme é uma surpresa atrás da outra e o que posso dizer é
ASSISTA!




Santana é bem do tipo esquentadinho, daí acaba brigando com gente da pesada. Tem muitos caras assim, né? Aff
Esse é do tipo que fica chateado até quando perde pro filho no vídeo-game, quer que ele torça para o mesmo time mas sempre fura com ele na hora de bater uma bola.





     




Isaura é muito corajosa e tem uma personalidade muito forte!
Ela tem umas atitudes bobas de adolescente mas é bem guerreira quando quer.

João é um doce, educado e se mantém calmo quando é necessário.



    


Dilza é uma evangélica que está sempre indo aos cultos.
Ela costura calcinhas grandes para vender pra ajudar nas despesas da casa.
As vezes ela fala cada pérola!
Mas o que chama atenção é atuação de Adriana sofrendo a procura do filho.






Eu achei que Lázaro não iria me convencer, mas olha...
que raiva que passei com ele!

Nené é um cara que diz ter amor aos seus cães, mas trancá-los numa jaula e usá-los pra atacar até a morte quem o trai? Contraditório isso.

(O fato acima não é spoiler)








Bom galera, espero que vocês tenham o interesse de ver :)
deixando claro que quando o título do post tiver #Netflix é porque,
 é claro, o filme está disponível lá.
Obrigada pela visita ao blog e até o próximo post


:*

Hora Da Pipoca: O amor no divã #Netflix




Oi galera!
Olha como o tempo passa... em 1998 a personagem de Fernanda Paes Leme na série Sandy&Jr
vivia desejando o namorado da "amiga" Sandy.




No filme "O amor no Divã" eles como Roberta e Miguel já são casados e vivem uma crise no casamento.

Ela é toda focada no trabalho e ainda faz pouco caso do trabalho dele.

Ele quer um tempo pra eles porque mal consegue conversar com a esposa.

Um achando o outro incompreensível vão se encontrar com uma terapeuta de casal chamada Malka.

Malka tem um casamento de 30 anos com um marido que decidiu se aposentar e ficar em casa. Esse tempo livre dele o deixa entediado e qualquer coisa quer ligar para sua esposa para fazer qualquer perguntinha boba mesmo sabendo que ela está no meio de uma consulta.
Malka ainda acha o seu marido cada vez mais distante e o casal Roberta e Miguel a fazem refletir sobre seu próprio casamento.



~~~~ CURIOSIDADES~~~~

Zezé Polessa(Malka) e Daniel Dantas(José) já foram casados na vida real.

Zezé tem 63 anos e da uma olhada no corpo dessa mulher:


E no filme(que é de 2016) isso chama muita atenção.

Já comecei o post lembrando de Fernanda e Paulinho na série Sandy&Júnior, mas o que não contei é que o Paulinho era o CRUSH da Fernanda(ela quem disse).
Obs: Se o Paulinho era namorado da Sandy na vida real, então a vida imitou a arte em partes.



~~~Opinião~~~

Filme leve e divertido. Fernanda e Paulinho têm muita química.
Amo a atuação de Zezé Polessa e do Daniel Dantas também, que são atuações bem específicas mas que eu acho extremamente agradável e envolvente.

Casais de plantão assistam e se identifiquem hahahaha

Cena favorita? Difícil escolher mas gosto muito quando Roberta e Miguel escrevem nomes de personagens no papel que representam o parceiro e explicam o porquê escolheram essas personagens.


Obrigada galera, por ter vindo aqui no blog.
Espero que aconteça muito mais encontros ;)

beijos :*