21 de maio de 2017

Jogando conversa fora: A "louca" da Lipo





Hoje eu vou contar a história da irmã de uma antiga vizinha minha.
Será?
Eu disse q ia contar as coisas sem "dar nome aos bois".

Larissa se sentia gorda, mas pelo pouco que reparei nela parecia a Skakira no início da carreira que precisava de uma barriga para a dança do ventre misturado com pop.
O grande dilema não era qual cirurgião atendê-la, o grande dilema era se ia aproveitar para colocar silicone nos seios ou não.
Apesar de não atender a vontade do marido de colocar os silicones, ele percebeu que foi o melhor porque a recuperação da lipo foooooi terrível. Até a irmã dela, minha vizinha, e várias pessoas da família foram lá dar uma força porque ela mal se movia.

E adiviiiinha...ficou tão nervosa que começou a comer mais que maconheiro na larica.
Acabou que ficou com mais peso que antes da lipo.

Ai ai gente! Lipo é uma coisa séria, séria e cara.

Vocês querem saber como a Larissa está hoje?

Magríssima!!!
Sabe por quê?

Ela agora tem uma doença crônica e uma das causas é fazer com que a pessoa emagreça bastante.
Está por aí usando blusas curtas e biquíni com muita alegria, apesar da vida estar mais complicada de ser vivida.


Que lição tiramos daqui, crianças?
Não faço ideia!

Em breve mais histórias ;)

Mas se você quiser ler uma história doida sobre falsidade pela qual passei
>>CLIQUE AQUI<<
Obrigada por virem ao blog, espero a volta de vocês.

Beijos :*



Nenhum comentário:

Postar um comentário